Instituto Federal - Mesas redondas impulsionam reconhecimento da Rede Federal Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Mesas redondas impulsionam reconhecimento da Rede Federal
Início do conteúdo da página

Mesas redondas impulsionam reconhecimento da Rede Federal

Publicado: Sexta, 16 de Dezembro de 2016, 15h34 | Última atualização em Sexta, 16 de Dezembro de 2016, 15h35 | Acessos: 729

connepi homenagemA 11ª edição do Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação (Connepi), que aconteceu de 6 a 9 de dezembro, em Maceió, confirmou ser o principal evento de congregação da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica para estas duas regiões do Brasil. Estudantes e profissionais de 18 institutos federais mostraram seus trabalhos e tiveram a oportunidade de se capacitarem e de interagirem.

O reconhecimento desta trajetória foi realizado na manhã do dia 8, quando a secretária de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Eline Nascimento, e o coordenador do 11º Connepi, Prof. Carlos Henrique Almeida, entregaram troféus em homenagem aos institutos que já abrigaram o evento, sendo sempre duas edições na região Nordeste e uma na região Norte na sequência. Foram homenageados os Institutos do Rio Grande do Norte (IFRN), Paraíba (IFPB), Ceará (IFCE), Pará (IFPA), Alagoas (Ifal), Tocantins (IFTO), Bahia (IFBA), Maranhão (IFMA) e do Acre (Ifac).

A secretária visitou as mostras Tecnológica e de Trabalhos Científicos. “Saio encantada com os protótipos apresentados pelos alunos, mas preocupada com o registro de nossas ideias. Precisamos incentivar a proteção dessas criações, patenteá-las”, comentou a secretária.

A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) participou do evento também com a coordenação de várias mesas redondas durante o Connepi.

O tema A internacionalização e inovação em educação profissional e tecnológica da Rede Federal foi discutida em mesa redonda pelos professores Wagner Eduardo Rodrigues Belo, do Instituto Federal Sul de Minas e membro do Fórum de Relações Internacionais da Rede, e Roberto Pereira dos Santos. A mesa foi moderada pelo representante da Setec, Prof. Paulo Henrique Leão.

Sobre o Programa Nacional para o Desenvolvimento da Inclusão Social e da Diversidade na Educação Profissional e Tecnológica, o assessor do Núcleo Estruturante da Política de Inovação (Nepi), professor Franclin Costa do Nascimento, coordenou mesa-redonda que contou com a participação dos professores Dalmir Pacheco de Souza, do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), Rutiléia Maria de Lima Portes, do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM) e Andréa Polleto Souza, do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS).

A técnica Francismara Alves de Oliveira Lima, servidora da diretoria de integração de redes de Educação Profissional e Tecnológica da Setec, dialogou sobre a Relação das Instituições Científicas e Tecnológicas (ICTs) com o setor produtivo e a transferência de tecnologia.

E o diretor de desenvolvimento da Rede Federal, Romero Portella Raposo Filho, apresentou o tema Políticas Estruturantes de Inovação – Caminhos para a Rede Federal, em conjunto com os assessores do Nepi, Paulo Henrique Leão e Alcides Militão dos Santos Júnior. “Consolidar parcerias com o mundo do trabalho é um dos alicerces que queremos impulsionar na Rede”, complementou o diretor Romero.

registrado em:
Fim do conteúdo da página