Instituto Federal - MEC inaugura novas instalações do campus Maragogi do Instituto Federal de Alagoas Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Concurso premia propostas e experiências inovadoras
Início do conteúdo da página

MEC inaugura novas instalações do campus Maragogi do Instituto Federal de Alagoas

Publicado: Quarta, 22 de Fevereiro de 2017, 18h44 | Última atualização em Quarta, 22 de Fevereiro de 2017, 18h46 | Acessos: 73

4d7b4d2a e1fc 4c3e 8207 8914338b8de9O Ministério da Educação inaugurou nesta sexta-feira, 17, o prédio definitivo do campus Maragogi do Instituto Federal de Alagoas (Ifal). O ministro Mendonça Filho enfatizou, durante a cerimônia de inauguração, a ampliação da rede federal de ensino. “A gente está tocando um programa muito importante de expansão da rede federal de educação profissional, científica e tecnológica e aqui é um exemplo prático disso”, destacou. Na nova unidade, foram investidos R$ 11,3 milhões.

Mendonça Filho falou da importância de se aliar a formação profissional à educação básica. “Quando a gente discute o ensino médio, o exemplo prático da rede federal de educação técnica e tecnológica é claramente uma referência, porque é uma das poucas áreas do ensino médio brasileiro em que se consegue valorizar o talento do jovem e, ao mesmo tempo, ofertar o casamento entre uma formação de nível médio e uma formação técnica”, disse.

Estudante da instituição, Isadora Ladislau Marques, de 16 anos, está no segundo ano do ensino médio, integrado ao curso de hospedagem. “A gente sabe que, quando sair daqui, já poderá entrar no mercado de trabalho, já vai ter isso no currículo, então, é uma facilidade. Além do ensino médio daqui não ser como o das outras escolas; é uma qualidade maior”, avalia a jovem, que começou a estudar na sede provisória e tem a visão de que o novo campus “é como se fosse outro mundo”.

As novas instalações do Ifal, prontas para atender 1.240 alunos, consistem em 12 salas de aula, quatro laboratórios, auditório, biblioteca, teatro de arena, refeitório, área de vivência e quadra poliesportiva coberta em uma área de 5.600m².

O campus Maragogi oferece os cursos integrados de agroecologia, turismo e hotelaria, com capacidade de atender 500 estudantes por turno, ou seja, até mil a mais que os matriculados atualmente. Também são ofertados cursos na modalidade à distância: o técnico subsequente em secretaria escolar, as licenciaturas em ciências biológicas e letras/português, e o tecnológico em administração pública e hotelaria.dca7db9c 7fb1 4d5f 8abd 960509c37a76

As obras do novo campus começaram em 2010, mas os serviços foram prorrogados e reiniciados em 2012 por meio de sete aditivos contratuais, com atualizações tanto em valores quanto em prazos de entrega. Essas alterações ao projeto inicial precisaram ser feitas para atender às normas vigentes. No total, foram investidos cerca de R$ 11,3 milhões.

A nova sede foi construída sobre um terreno cedido ao Ifal, por tempo indeterminado, pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O prédio deverá substituir o que havia sido cedido pela Fundação Educacional Costa dos Corais, que sediava o campus desde a sua inauguração, em julho de 2010.

Em 2016, foram registradas 1.246 matrículas – 526 para os cursos de nível superior e 720 para o técnico. Atualmente, o Ifal Maragogi oferece graduações em administração (bacharelado), ciências biológicas (licenciatura), letras (licenciatura), hotelaria, técnico em agroecologia e técnico em enfermagem.

 

 

Assessoria de Comunicação Social do MEC

Fotos: Ifal

registrado em:
Fim do conteúdo da página