Instituto Federal - Aluno do IFCE se dedica a projeto na área de orientação profissional Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Ministro inaugura obras e libera recursos para o Instituto Federal do Espírito Santo
Início do conteúdo da página

Aluno do IFCE se dedica a projeto na área de orientação profissional

Publicado: Sexta, 28 de Dezembro de 2018, 14h36 | Última atualização em Segunda, 14 de Janeiro de 2019, 14h36 | Acessos: 511


Um projeto de um estudante que não decidiu que carreira seguir após o ensino médio chamou a atenção do Instituto Federal do Ceará, no Campus Caucaia. O adolescente Hemerson de Souza, aluno do segundo ano do ensino médio, desenvolveu um projeto de orientação profissional especialmente dedicado a jovens que estão indecisos sobre a própria formação profissional.

O projeto Metamorfose Juvenil nasceu das conversas entre o jovem e sua professora, hoje orientadora, Cristina Carlos Ferro, sobre a possibilidade de Hermeson participar do Parlamento Juvenil do Mercosul, uma iniciativa do setor educacional do Mercosul, que proporciona aos jovens estudantes de nível médio público dos países membros e associados do bloco um espaço de encontro e diálogo que incentive o protagonismo juvenil para geração de propostas sobre temáticas de interesse comum.

“Eu noto que a questão da orientação profissional não é tão visada nas escolas. E isso é muito importante. Eu sei que isso também é dúvida de outros colegas, pessoas de outras turmas, pessoas que na vivência você acaba conhecendo. Por isso que eu criei esse interesse na temática de jovens e trabalho ”, explica Hemerson.

Aluno do curso técnico-integrado em Petroquímica, Hemerson também gosta de matérias como português, geografia e história. Segundo ele, o Metamorfose Juvenil pode ajudar alunos indecisos por meio de conversas e palestras com estudantes oriundos de diversas áreas sobre o desenvolvimento de carreiras distintas. “A orientação profissional é muito importante. Trazer alunos egressos lá do campus, está entre as ações que a gente pensa em fazer, para falar como foi decidir uma área após o ensino médio”, argumenta.

Com o projeto, Hermeson conseguiu vencer a etapa estadual e agora vai representar o Ceará no Parlamento Juvenil. Foi escolhido um representante para cada estado da federação, mediante votação. O candidato com melhor projeto venceu. Além do projeto inscrito, os jovens passaram por um curso de formação para desenvolver a ideia apresentada e se engajar em outras atividades que possam solucionar questões de toda comunidade. A expectativa, segundo Hemerson, é colocar o projeto em prática o quanto antes. “A nossa expectativa é que para o próximo semestre a gente já vai começar a aplicá-lo. Que esse projeto não fique algo somente lá no IFCE, Campus Caucaia, mas que a gente possa levar as ações, exemplos de projetos, para que outros alunos venham conhecer e venham a ser ajudados por ele”, pondera o estudante.

Segundo ele, quanto mais jovens tiverem acesso à orientação profissional a tendência é que haja menos profissionais frustrados também. “Considerando que muitos jovens não têm certeza e às vezes escolhem um mercado que não conhece, se frustram e gera uma qualificação a menos”, finaliza.

A seleção para o Parlamento Juvenil do Mercosul ocorre a cada dois anos. Podem participar estudantes de escolas públicas que estejam matriculados e frequentando regularmente o 1º ou 2º ano do ensino médio regular ou ensino técnico integrado ao ensino médio em escolas públicas da rede estadual ou federal.

Assessoria de Comunicação Social

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página